terça-feira, 15 de abril de 2008

Chuva-de-prata


Flores brancas e extremamente delicadas. Expressa a serenidade de quem está em estado de graça e com a sensação do dever cumprido. Para quem o mais importante é o trabalho humanitário. Abraça os reveses da vida como aprendizado e com sentimento de alegria. Perdoa e aceita os fatos ou pessoas que o magoaram. Amplia o chacra cardíaco para a troca do amor. Traz leveza e êxtase como se caminhasse nas nuvens. Alegria e calma com a paz de quem está com a consciência tranquila

2 comentários:

Val disse...

Nada como estar com a consciência tranquila.
Lindo, ruiva. Linda ruiva!
;)

teylor disse...

parabéns aninha ....